Quando vires os teus olhos a verem-te, quando não souberes se tu és tu ou se o teu reflexo no espelho és tu, quando não conseguires distinguir-te de ti, olha para o fundo dessa pessoa que és e imagina o que aconteceria se todos soubessem aquilo que só tu sabes sobre ti.

José Luis Peixoto

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Há só uma janela fechada


Há só uma janela fechada, e o mundo lá fora;
E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse,
Que nunca é o que se vê quando se abre a janela.

Alberto Caeiro

Em Janeiro vou abrir outra janela e ver mais mundo lá fora. Vou fazer uma pausa daquele que tem sido o meu sitio de todos os dias nos últimos tempos. Vou ganhar novos rituais de almoço e lanche, novos bons dias à chegada e até amanhã à saída. Vou passar a pasta dos "emails para todos" e vou deixar de estar, todos os dias. E, se por um lado não podia estar mais ansiosa com a nova aventura, com a possibilidade de fazer um grande trabalho, de conhecer pessoas novas e uma cultura diferente, por outro, estou com medo de abrir a janela e ver que afinal aquele mundo lá fora não é aquilo com que sonhei.   

3 comentários:

Freckles =) disse...

Vais ver que depois de abrir a janela, vais olhar o mundo de todos os dias com um sentimento diferente... Vais ver que o infinito é mais além e que vale a pena saber abrir as janelas que forem precisas. Vais ver que os que cá ficam vão estar aqui para verem contigo o que está do outro lado e serem apoiantes de primeira fila. Vais ver que vais sorrir sempre que pensares nessa janela, estejas tu do lado de dentro ou de fora, porque nunca vais deixar de ser tu!

S* disse...

:) Isso é tão bom.

poesiadevida19 disse...

Abre a janela e deixa entrar um novo ar, um ar de felicidade. Deixa o mundo entrar e não tenhas medo do que poderás descobrir, se for bom, vive, se for mau, aprende mas nunca desistas do caminho da tua felicidade.
Abre a janela e deixa um novo mundo entrar!
(http://poesiadevida19.blogspot.com/)